Criando a Persona e entendendo seu Público Alvo

Assim que um empresário decide abrir uma empresa, seu primeiro pensamento para formar uma estratégia de Marketing é: – Para quem vou fazer a propaganda? Quem vai comprar meus produtos ou contratar meus serviços? Que tipo de ação e linguagem vai impactar este grupo de pessoas que podem estar interessadas em conhecer minha empresa?

Para responder estas perguntas é necessário criar o que chamamos de PERSONA.

A persona é um perfil simulado dos variantes tipos de público que se encaixam no grupo ideal para o nicho daquela empresa. Este perfil contém informações socioeconômicas que vão definir para quem a estratégia deve se direcionar.

Vejamos os dois perfis:

Nome: Ana Lúcia

Idade: 40 anos

Profissão: Professora de ensino médio da rede privada

Nome: Maria Paula

Idade: 40 anos

Profissão: Diretora Comercial de uma loja de calçados

 

Cientes que nenhum dos dois perfis acima corresponde a pessoas reais, apenas modelo, qual seria mais adequado e interessado para conhecer os serviços de uma fornecedora de sapatos artesanais? Podemos responder sem dúvidas que apesar do gênero e idade serem os mesmos, o nicho profissional de uma lojista tem muito mais conexão com um fornecedor de produtos que podem ir para seu PDV, e o contrário acontece com o perfil da professora, que não é interessante área de sapataria, mas pode ser para outra empresa de jogos educacionais ou editora de livros didáticos.

 

Dica de Ouro #1: Se você tem dificuldades para entrevistar pessoas, analise a persona dos clientes dos seus concorrentes diretos! 

 

Deu para entender como funciona? Então mãos a obra.

Claro que as perguntas não são tão rasas como no exemplo. Especular um estilo de vida pode definir até que melhores canais para atingir determinado público. Mídias digitais para aqueles mais antenados e com rotinas próximas a internet, mídias impressas para aqueles que trabalham em casa de família ou na rua como profissionais de entregas, estatística e outros.

 

Existem inúmeros tipos de pessoas, com histórias e perfis diferentes, mas elas podem ser agrupadas por uma afinidade de maiores coincidência e não tão específicas. Isso depende do seu ramo, por exemplo, se prestar serviços de contabilidade, todo empresário é um bom alvo para seus negócios. Mas se prestar serviços de contabilidade para setor alimentício, esqueça os outros empresários que não negociam com comida.

 

Para começar, experimente as questões abaixo:

Nome:

Idade:

Gênero:

Cargo/Ocupação:

Empresa:

Formação educacional:

Quais os principais objetivos profissionais deste cliente?

Quais são seus maiores desafios ou problemas encontrados na sua rotina?

Como minha empresa pode ser útil para ajudá-lo a atingir tais objetivos?

 

Caso tenha dúvida, pode me pedir uma mãozinha.

Manda um e-mail no hello@suzanacarvalho.com.br !

Espero ter ajudado e não fique só por aqui, estude sempre mais.

Bons negócios.

Leave a Comment